MRV.gif

Dentil/Praia Clube vira sobre o Itambé/Minas e segue soberano na liderança

Por Wilson Barbosa 08/02/2022 - Terça-feira - Fevereiro


Dentil/Praia Clube 3 x 2 Itambé/Minas

(Foto: Eliezer Esportes)



Em mais um jogão entre as duas equipes mineiras, o Praia derrotou o Minas, no tie-break, e se isolou ainda mais na liderança.


Em jogo de duas viradas, cartões, muita reclamação e lances duvidosos, como se espera de um clássico envolvendo as duas equipes que vêm fazendo finais consecutivas ao longo das últimas temporadas, o Dentil/Praia Clube derrotou o Itambé/Minas por 3 sets a 2 – parciais de 25-19, 17-25, 15-25, 25-21, 15-10 -, na noite desta segunda-feira, na Arena do Praia, em Uberlândia, pela quinta rodada do returno da Superliga Feminina de Vôlei, e segue soberano para encerrar a fase classificatória da competição na liderança isolada. O time do Triângulo soma agora 43 pontos (15 vitórias em 16 jogos), 10 a mais que o rival Minas, segundo colocado, com 11 vitórias e 3 derrotas.


Foi a quinta vitória do Praia sobre o maior rival na temporada: duas vezes por 3 a 2 na Superliga (turno e returno) e nas finais do Sul-Americano, do Mineiro e da Supercopa.



Kisy foi a maior pontuadora do jogo, com 22 pontos, seguida por Neriman Ozsoy, com 21, Pri Daroit, com 18, Júlia, 8 e Carol Gattaz, 8. Pelo Praia, os destaques foram Jineiry Martinez, com 16 acertos, Anne, com 14, Carol – que jogou apenas dois sets -, com 11, Tainara, 9 e Vanessa Janke, 5. Jineiry foi eleita a melhor em quadra e ficou com o Troféu Viva Vôlei.


Os dois treinadores tiveram dificuldades para colocar a sua melhor formação em quadra hoje. Paulo Coco manteve Kasiely e Carol – recém-recuperadas do covid-19 -, no banco e iniciou a partida com Vanessa Janke e Walewska. A oposta dominicana Brayelin, que lesionou o ombro, segue fora. Ariane foi a opção na equipe titular. No Minas, Nicola Negro começou o clássico com a turca Neri Ozsoy no banco. A jogadora recupera-se de uma lesão na panturrilha e não vinha jogado. Mas, diante da atuação irregular de Pri Souza, Ozsoy entrou a partir da segunda parcial. O mesmo aconteceu com o Praia, que colocou Kasiely e Carol no decorrer da partida. Outro desfalque importante do time mineiro foi a oposta norte-americana Dani Cuttino, que testou positivo para o covid-19. Kisy foi a titular na posição.


Foi um jogo de altos e baixo. O Praia abriu logo 5 a 1 na primeira parcial. O Minas, desorganizado e sem passe, sofreu com os erros de ataque e não conseguiu achar Jineiry no bloqueio. A equipe mineira acordou na segunda parcial. Com Ozsoy em quadra, ganhou mais uma opção de ataque. A recepção se ajustou e Macris conseguiu jogar com a velocidade de sempre. Na terceira parcial, as visitantes chegaram a fazer 12 a 3 com um side out perfeito. Praia, por outro lado, não conseguia colocar a bola no chão e errou muito na recepção.


No quarto set, a instabilidade mudou de lado. O Praia fez logo 6 a 0, com Carol no saque, voltando a impor o jogo que fez o time se impor na temporada: bom fundo de quadra e agressividade no ataque. Nicola Negro fez a troca simples de levantadora, com Macris saindo para a entrada de Pri Heldes. Mas, as ponteiras Pri Daroit e Ozsoy, que vinham bem até então, passaram a ficar no bloqueio praiano. O Minas reagiu e, aos poucos, foi diminuindo a diferença, que chegou a ser de 11 a 4 chegou a ficar em apenas um: 21 a 20. Uma marcação polêmica, no entanto, desequilibrou o Minas, na marcação de uma invasão por cima muito contestada pela vice-campeã olímpica Carol Gattaz. O Praia fechou o set em 25 a 21 e empatou o jogo em 2 a 2.


No tie-break, mais polêmica. O Minas errou dois contra-ataques consecutivos e o Praia abriu 8 a 5. Nervoso, o time perdeu o controle emocional e as donas da casa abriram 10 a 5. Nicola Negro foi ostensivo em uma comemoração e levou o cartão vermelho. O Praia só precisou ter tranquilidade para administrar a grande vantagem e fechar o set e o jogo.


Os dois times voltam a jogar na próxima sexta-feira. O Minas recebe o Curitiba, às 17h, em Belo Horizonte, enquanto o Praia enfrenta o Unilife Maringá às 19h, no Paraná. Os dois confrontos serão transmitidos pelo SporTV 2. Veja aqui a programação e as transmissões da semana.


FICHA TÉCNICA


DENTIL/PRAIA CLUBE 3 X 2 ITAMBÉM/MINAS


DENTIL/PRAIA CLUBE: Claudinha, Ariane, Anne, Vanessa Janke, Jineiry Martinez, Walewska e Ju Perdigão (líbero). Entraram: Lyara, Jordane, Tainara, Kasiely e Carol. Técnico: Paulo Coco


ITAMBÉ/MINAS: Macris, Kisy, Pri Souza, Pri Daroit, Carol Gattaz, Júlia e Léia (líbero). Entraram: Pri Heldes, Ozsoy. Técnico: Nicola Negro


Fonte: https://webvolei.com.br/

Últimas Notícias
Principais Assuntos