MRV.gif

Lyoto Machida vence Chael Sonnen com joelhada brutal e aposenta falastrão


Machida venceu Sonnen no Bellator 222 (Foto: Facebook / UFC)

Brasileiro emplacou sua segunda vitória no Bellator e fez o 'falastrão' penduras as luvas ainda no cage circular.

Virou rotina na carreira de Lyoto Machida. O brasileiro aposentou mais um grande nome do esporte. Depois de Randy Couture, Vitor Belfort e Mark Munoz, o ‘Dragão’ fez o polêmico Chael Sonnen penduras as luvas. No Bellator 222, realizado nesta última sexta-feira (14), em Nova York, ele frustrou as investidas de queda do rival e com uma linda joelhada voadora mandou o norte-americano para a lona.

“Eu tenho uma coisa a dizer: eu me diverti muito. Eu tive uma boa corrida. Scott Coker (presidente do Bellator). me deu um contrato de cinco lutas, ele me deixou honrar todas as cinco lutas. E, senhoras e senhores, estou saindo. Eu aprecio as lembranças. Adeus…”, disse Sonnen, deixando as luvas no cage circular do Bellator.

A luta

O combate de estilos ficou claro desde o primeiro instante. Mesmo com 42 anos, Sonnen fez uso de sua tática de buscar a queda. Ele tentou grampear o brasileiro, mas Machida bateu no chão e se levantou rápido. Na média distância, o brasileiro trabalhou com chutes na linha de cintura. Nos instantes finais do primeiro assalto, quando o norte-americano tentou novamente a queda, ele recebeu uma dura joelhada voadora e foi a lona. Lyoto ainda acertou alguns socos no solo, mas não conseguiu encerrar a peleja.

No início do segundo round, já com o rosto bastante inchado, Sonnen buscou a queda logo nos primeiros segundos. Porém, mais uma vez, Machida disparou a joelhada voadora e o norte-americano foi ao solo. Dessa vez, Lyoto acertou vários socos por cima até o árbitro encerrar a peleja e decretar o nocaute técnico.

Resultados do Bellator 222

Card Principal

Rory MacDonald derrotou Neiman Gracie na decisão unânime dos juízes (49-46 48-47 48-47) – Semifinal GP dos meio-médios

Lyoto Machida derrotou Chael Sonnen por nocaute técnico a 22seg. do R2

Dillon Danis finalizou Max Humphrey com uma chave de braço a 4m28s do R1

Patrick Mix finalizou Ricky Bandejas com um mata-leão a 1m06s do R1

Juan Archuleta derrotou Dudu Dantas por nocaute a 4m59s do R2

Kyoji Horiguchi derrotou Darrion Caldwell na decisão unânime dos juízes (49-46 48-47 49-46) – Disputa dos cinturão dos galos

Card preliminar

Adam Borics derrotou Aaron Pico por nocaute a 3m55s do R2

Taylor Turner derrotou Heather Hardy por nocaute técnico a 3m53s do R1

Valerie Loureda derrotou Larkyn Dasch na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 30-27)

Robson Gracie Jr finalizou Oscar Vera com uma chave de braço a 3m14s do R1

Mike Kimbel derrotou Sebastian Ruiz na decisão dividida dos juízes (28-29, 30-27, 30-27)

Haim Gozali finalizou Gustavo Wurlitzer com um triângulo a 4m02s do R1

Lindsey VanZandt finalizou Rena Kubota com um mata-leão a 4m04s do R1

Phil Hawes derrotou Michael Wilcox por nocaute técnico (interrupção médica) a 5m do R1

Marcus Surin derrotou Nekruz Mirkhojaev na decisão dividida dos juízes (30-27, 27-29, 29-27)

Brandon Polcare finalizou Brandon Medina com uma guilhotina a 4m33s do R1

Kastriot Xhema derrotou Whitney Francois por nocaute técnico a 3m17s do R2

John Beneduce derrotou Kenny Rivera na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)

Fonte: https://www.superlutas.com.br/

Últimas Notícias
Principais Assuntos
  • Facebook - Black Circle
  • Black Facebook Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon