MRV.gif

Brasil vence e tira a invencibilidade da Turquia

23 May 2018

Turquia 1x3 Brasil (Foto: Créditos Divulgação/FIVB )

 

 

A seleção brasileira feminina de vôlei acabou com a invencibilidade da Turquia na Liga das Nações. Nesta terça-feira (22.05), a equipe do treinador José Roberto Guimarães venceu as turcas por 3 sets a 1 (25/17, 25/19, 23/25 e 25/21), no Baskent Volleyball Hall, em Ancara. Foi a terceira vitória consecutiva do time verde e amarelo na competição. Também pelo grupo das brasileiras, a República Dominicana superou a Argentina por 3 sets a 0 (26/24, 26/24 e 25/19).

 

O Brasil voltará à quadra às 8h (horário de Brasília) desta quarta-feira (23.05) contra a Argentina. O SporTV 2 transmitirá ao vivo. Com a vitória sobre a Turquia, as brasileiras subiram para quinta colocação na classificação geral, com nove pontos (três resultados positivos e um negativo). A Holanda, única invicta, lidera, com 11 pontos, seguida pelos Estados Unidos, com 10, Sérvia, com nove e Rússia, também com nove.

 

 

 A oposta Tandara foi a maior pontuadora do confronto, com 25 pontos (22 de ataque, dois de bloqueio e um de saque). As ponteiras Drussyla, com 16, e Amanda, com 11, também se destacaram para o time verde e amarelo. Pelo lado da Turquia, a central Eda foi quem mais pontuou, com 14 acertos.

 

 Ao final do duelo, a campeã olímpica Tandara comentou sobre a vitória e ressaltou a recuperação das brasileiras no quarto set.

 

 “Hoje foi uma vitória importante. Os jogos contra a Turquia são sempre muito difíceis. Nós conseguimos ter uma margem no placar nos dois primeiros sets, mas no terceiro deixamos elas abrirem e não conseguimos buscar a diferença. No quarto, voltamos a jogar bem e conquistamos esses três pontos que são fundamentais na nossa busca pela fase final”, disse Tandara, que também falou sobre o duelo de desta quarta-feira contra Argentina.

 

 “Amanhã vamos enfrentar a Argentina em um duelo sul-americano. As equipes sul-americanas se conhecem muito bem, por isso vamos precisar jogar com inteligência. Nós temos apresentado um bom volume de jogo e vamos precisar repetir isso”, explicou Tandara.

 

 O treinador José Roberto Guimarães parabenizou o grupo brasileiro pela vitória e falou da importância do resultado.

 

 “Foi uma vitória importante. Sabemos que podemos melhorar ainda mais a nossa relação entre o bloqueio e a defesa e os contra-ataques. No terceiro set cometemos um maior número de erros o que fez a Turquia crescer e acreditar no placar. Tivemos uma boa recuperação no quarto set e vencemos uma equipe que ainda não tinha perdido na competição”, afirmou José Roberto Guimarães. 

 

 A competição

 

A Liga das Nações acontece pela primeira vez em 2018, substituindo o Grand Prix, onde o Brasil é o maior vencedor, com 12 títulos, e atual campeão. Agora, com novo nome e formato, a competição tem 16 equipes na disputa pelo título.

 

A cada semana são formados quatro grupos com quatro seleções cada, definidos em sorteio. Ao fim da fase classificatória, as cinco equipes mais bem classificadas avançarão à Fase Final, que contará ainda com a China, país sede. A Fase Final acontecerá de 27 de junho a 1º de julho. 

 

O JOGO

 

Bem no saque, o Brasil fez 4/1 no início do primeiro set. A Turquia cresceu de produção e empatou (6/6). O time verde e amarelo fez quatro pontos seguidos e o treinador da Turquia, Guidetti, pediu tempo (10/6). Bem nos contra-ataques, a equipe verde e amarelo foi para o segundo tempo técnico com sete de vantagem (16/9). O Brasil segurou a vantagem até o final da parcial e venceu o primeiro set por 25/17.

 

O Brasil fez os dois primeiros pontos do segundo set. Numa boa sequência de saques da oposta Tandara, o time verde e amarelo aumentou a vantagem no placar para quatro pontos (8/4). Bem no bloqueio e no saque, a Turquia encostou (12/11). Neste momento, o treinador José Roberto Guimarães pediu tempo. O set ficou equilibrado e as brasileiras tinham dois de vantagem no segundo tempo técnico (16/14). A Turquia igualou o marcador (18/18). Com Drussyla bem nos contra-ataques, as visitantes voltaram a abrir dois pontos (20/18). O Brasil dominou a parte final da segunda parcial e levou a melhor no set por 25/19.

 

A Turquia começou melhor o terceiro set e fez 8/4. O time do treinador José Roberto Guimarães cresceu de produção e encostou (10/9). Liderados pela levantadora Macris e a oposta Monique, as visitantes foram para o segundo tempo técnico com um de vantagem (16/15). A Turquia foi melhor no final da parcial e venceu o terceiro set por 25/23.

 

O quarto set iniciou equilibrado (5/5). Se aproveitando dos erros da Turquia, o time verde e amarelo abriu dois pontos (10/8). Bem no bloqueio e com volume de jogo, o Brasil aumentou a vantagem no placar para quatro pontos (14/10). A equipe do treinador José Roberto Guimarães segurou uma reação da Turquia e venceu o set por 25/21 e o jogo por 3 sets a 1.

 

Ficha Técnica

 

Turquia 1x3 Brasil

 

Turquia: Eda, Gunes, Meliha, Boz, Seyma e Gamze. Líbero – Gizem 
Entraram – Baladin, Ceren, Fulden, Beyza e Ozbay
Técnico – Giovanni Guidetti

 

Brasil: Roberta, Tandara, Gabi, Amanda, Adenízia e Bia. Líbero – Suelen 
Entraram – Monique, Macris, Drussyla e Carol  
Técnico – José Roberto Guimarães

 

1ª semana:

 

Barueri (SP)
15.05 – Brasil 1 x 3 Alemanha (25/15, 22/25, 18/25 e 20/25)
16.05 – Brasil 3 x 1 Japão (22/25, 25/18, 25/23 e 25/11) 
17.05 – Brasil 3 x 1 Sérvia (23/25, 25/22, 25/14 e 25/21)

 

2ª semana:

 

Ancara (Turquia) 
22.05 – Brasil 3 x 1 Turquia (25/17, 25/19, 23/25 e 25/21)  
23.05 – Brasil x Argentina, às 8h (horário de Brasília) – SporTV 2
24.05 – Brasil x República Dominicana, às 8h (horário de Brasília) – SporTV 2

 

 

Fonte: http://2018.cbv.com.br/

Assunto:

Please reload

BANNER20.png
Últimas Notícias
Please reload

Principais Assuntos
Please reload

  • Facebook - Black Circle
  • Black Facebook Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon