Dentil/Praia Clube vence o Vôlei Bauru e mantém liderança

31 Jan 2018

Vôlei Bauru 2x3 Dentil/Praia Clube (Foto: Divulgação/Vôlei Bauru)

 

 

Não dá para definir qual número impressiona mais: se os 39 pontos de Tiffany, as 75 bolas que ela recebeu para atacar, ou as 17 vitórias seguidas do Dentil-Praia Clube na Superliga Feminina. Fato é que na noite desta última terça-feira (30), no ginásio Panela de Pressão, em Bauru, a torcida viu um jogo impressionante em que as mineiras bateram o Vôlei Bauru-SP por 3 sets a 2 (parciais de 25/20, 25/14, 17/25, 18/25 e 15/13).

 

O resultado foi importantíssimo pro Praia Clube, que se mantém líder mesmo tendo um início de ano menos eficiente. No próximo sábado (3), às 15h, as uberlandenses recebem o Camponesa-Minas para o clássico mineiro do returno.

 

O troféu Viva Vôlei ficou com a ponteira Fernanda Garay, mas quem roubou a cena foi a primeira transexual a jogar a Superliga. Apesar de ter tido um aproveitamento de apenas 44% ela foi a maior atacante do jogo.

 

Recorde

 

Explica-se: Tiffany recebeu e tentou atacar 75 bolas, principalmente depois do terceiro set. Ela virou 33 destas bolas e, por isso, não foi a mais eficiente do jogo. Mesmo assim, com os 39 pontos anotados - os outros seis foram de bloqueio, Tiffany bateu o recorde de pontos em um jogo de vôlei no Brasil.

 

A última marca era de Tandara, hoje do Vôlei Nestlé-SP. E foi justamente contra o Praia, na temporada 2013/2014. A oposta defendia o extinto Vôlei Amil-SP e fez 37 pontos contra o time do Triângulo numa partida memorável.

 

Mais uma pimenta para os debates sobre a inclusão ou não da transexual no vôlei feminino.

 

Fonte: http://www.otempo.com.br/superfc

Please reload

BANNER20.png
Últimas Notícias
Please reload

Principais Assuntos
Some elements on this page did not load. Refresh your site & try again.

  • Facebook - Black Circle
  • Black Facebook Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Instagram Icon